24.11.10

amieira

chovia. abriguei-me e esperei que o restaurante abrisse as suas portas.
não desenhei o almoço que foi uma inédita sopa à alentejana de feijão branco com bacalhau e espinafres
, sem pão migado.

3 comentários:

Henrique Vogado disse...

A terra onde o meu pai nasceu.

Já não vou lá desde que a barragem começou a funcionar.
Antes, para chegar ao Degebe era cerca de 1km, agora até tem marina.

Luís Ançã disse...

Olá Henrique.
A zona da Amieira ficou muito agradável. A marina é um óptimo sítio para passear. As acessibilidades também são boas e a paisagem bonita.
Na Amieira há um restaurante regional com fama firmada há muito, porque é mesmo bom.

Galeota disse...

Também há uma perto da Figueira, na linha do Oeste.