21.1.11

josefa de óbidos «agnus dei»

o museu de évora tem uma colecção extraordinária de pinturas. atraem-me particularmente as dos séc. XV e XVI, mas as naturezas mortas de josefa de óbidos e de seu pai, baltazar gomes figueira (ambos do séc. XVII) são absolutamente fascinantes.
o cordeiro do agnus dei da josefa (1660-70) é muito semelhante ao de seu pai (c. 1640) e ao de francisco zubarán (1635-40).
baltazar, embora nascido em óbidos, viveu em sevilha, onde nasceu josefa, terra natal de zubarán.
a família regressou a portugal poucos anos antes da restauração.

3 comentários:

Li disse...

Luis,
simplesmente Fa bu lo so!
Adorei!

hfm disse...

Gostei. Muito. Conheço bem a obra de Josefa de Óbidos (não é por acaso que grande parte da minha vida foi passada na Escola Josefa de Óbidos...) e este cordeiro está óptimo para um sketchbook.

Galeota disse...

Os cordeiros passaram muito em épocas passadas.